bloga8, Crianças, Opinião do Especialista, Parentalidade, psicologia

[psicologia] Vantagens do Yoga para crianças

Em tempos abordamos aqui no bloga8 o tema do Yoga e o que ele abrangia. Podes ler ou reler esse texto aqui. O Yoga não escolhe idade nem género. Temos casos de idosos que são exímios praticantes de yoga, como também temos crianças de dois anos que também já são Yogis! Apesar das práticas de Yoga para crianças não serem…continuar a ler
bloga8, Cozinha para Crianças, nutrição

[nutrição] 5 lanches da tarde

Olá mamãs e papás!
Falamos dos lanches da manhã e hoje sobre os lanches da tarde. Mais 5 exemplos práticos, nutritivos e apelativos!
Para a tarde o lanche deve ser mais completo e ter três alimentos fontes de diferentes nutrimentos.
Proteína, gorduras saudáveis, hidratos de carbono e vitaminas, minerais e fibra.
Vamos lá começar com 5 exemplos de lanches práticos para a tarde! continuar a ler

bloga8

O meu amor: Pedro

Uma mão já não chega para contar os teus anos e a minha anca também já não serve para medir o teu comprimento mas o meu amor, esse, já se multiplicou e potencializou tantas e tantas vezes que já não o consigo medir.

No dia em que nasceste, naquela solarenga sexta-feira, mal sabia que iria gostar tanto de ti como gosto e sabes, todos os dias gosto de ti cada vez mais. Amanhã, gostarei mais e depois mais ainda.

continuar a ler

bloga8, Gravidez e Pós-Parto, Opinião|Bea

E se fosses tu uma mãe de colo vazio?

Nunca é fácil falarmos de filhos, sobretudo daqueles filhos que nunca nasceram. A dor, essa será atenuada com o tempo, mas nunca esquecida e não me refiro apenas à dor física, que essa o tempo leva com a mesma facilidade com que a trouxe. A dor mental, a dor espiritual é que se mantém dentro da nossa cabeça e da nossa alma. Para sempre.

Perder um filho, custa sempre. Sobretudo quando nesse filho, residia a esperança de uma mulher que já se tinha acostumado à palavra mãe.

continuar a ler

bloga8, Opinião|Bea, Parentalidade

Famílias Felizes

Muita gente procura o segredo do elixir da juventude, de como transformar água em combustível ou até a ressurreição da carne. Mas enquanto não vier o Juízo Final e nada disto ser física e quimicamente possível eu só me preocupo com apenas uma coisa: ser feliz.

E, se na minha ainda curta experiência de vida tive alguns percalços no caminho, continuo a acreditar que são as pequenas coisas que nos fazem felizes.  continuar a ler

bloga8, nutrição

[nutrição] Nas lancheiras da manhã

Olá mamãs e papás!

Hoje vamos falar de lancheiras. Quem é como eu e todos os dias perde uns bons minutos pela manhã porque não preparou com antecedência? Vou confessar que isso me acontece mais vezes do que eu gostaria… por isso, adoro ter produtos em casa que encaixam nestes três princípios: Nutritivo, Prático e Apelativo!

Se a nossa despensa está recheada de alimentos saudáveis e nutritivos não vamos cair no erro de deixá-los levar para a escola o que não devem!

Algo bem importante, principalmente para as minhas manhãs de correria é a rapidez de preparação. Entre tirar rapidamente do frigorífico e uma pequena preparação, nada muito complicado.

Por último, os nossos pequenos têm de gostar, deve ser apelativo ao olhar e ao paladar. Eu tenho sorte porque tenho uma Clarinha gosta de tudo um pouco, claro que por vezes tenho de me adaptar aos gostos do momento como vão ler mais à frente!

continuar a ler

feminismo

[feminista] Vamos falar de privilégio.

Este artigo é especialmente para ti se preenches estas características: Raça caucasiana; Cis género; Heterossexual e Homem.

Olá pessoa mais privilegiada do planeta Terra!

Como vão as coisas aí em cima, nesse maravilhoso pedestal de privilégio?! Boas, não é?! Acredito que sim…

Ora, depois de leres estas palavras com certeza alguns pensamentos já te passaram pela cabeça:

“Mas eu não sou privilegiado, trabalho muito para conseguir o que tenho.”
“Todos podem ter as mesmas oportunidades, afinal vivemos numa democracia”
“Venho de famílias humildes, e nada me foi dado de bandeja”
“Agora é tudo muito sensível e já não posso dizer as coisas que dizia antes”
“Deves ser uma “feminazi”, e queres destruir a minha masculinidade”
“Isso do racismo é coisa do passado”
“Os gays andam a tomar conta do Mundo.” continuar a ler

Opinião|Bea

O meu pai.

São raras as vezes que fico sem palavras. São raras as vezes que não consigo pegar num assunto e desbobinar uma série de teses e conclusões mas, quando decidi que ia escrever sobre o meu pai, não soube imediatamente o que escrever.

Dizem que o que passamos para os nossos filhos é o nosso legado e tu, pai, para além de me passares através dos teus genes aquilo que mais gosto em mim – os meus olhos (mesmo hipermetropes), passaste-me que só se consegue as coisas com muito trabalho e dedicação. Foi de ti que herdei a minha (des)organização no meu trabalho, foi de ti ganhei o espírito empreendedor e inventor. Foi graças aos teus ensinamentos que realizo, cada dia que passa, os meus mais ambiciosos sonhos. continuar a ler