EcoFamily

bloga8, Crianças, EcoFamily, Opinião|Bea, Parentalidade

|organização com crianças|#2

BeatrizEvolucao_36smn-15.jpg

A semana passada falei-vos sobre rotinas. O quão é importante para a organização de uma família, nomeadamente daquelas que têm crianças, ter algumas coisas organizadas, nomeadamente as refeições.

Hoje, é a vez do orçamento familiar. Por cá não é fácil. Apenas um recebe um ordenado fixo. O outro, como é freelancer, há meses que recebe, mas também há meses que não vê cêntimo, por isso, não contamos com ele para a contabilização geral do mês. continuar a ler

Bebés, bloga8, EcoFamily

|quero deixar um mundo melhor para eles|

Um dia, quando os meus filhos forem adultos quero ter a consciência tranquila. Quero ter a sensação de dever cumprido e que fiz tudo o que podia para lhes deixar um mundo melhor.

Não podemos assobiar para o lado ou pensar que ”ah se os outros não fazem, porque tenho eu de fazer?” E, no ambiente bem como todas as questões educacionais, tudo começa em casa.

Faço reciclagem. Guardo o óleo e azeite usado numa garrafa de plástico/garrafão para depois levar a um oleão (a cerca de 2 km de casa!). Não deito equipamentos elétricos, pilhas e lâmpadas no lixo normal ou indiferenciado. Só não faço compostagem, porque, para quem vive num apartamento não lhe serve de muito e os vizinhos começavam (e com razão!) a queixar-se dos cheiros e ”bichinhos” que andaricavam por aqui. Até ultimamente tenho guardado o cartão que segura os rolos de papel higiénico para fazer coisinhas com os miúdos (mais tarde mostro tudo o que faço!). Mas não sou perfeita. Tenho uma pegada ambiental ainda grande, mas acho que aos poucos a coisa se vai reverter!

Quando engravidei, nas aulas de preparação para o parto, a enfermeira responsável, falou-me das fraldas ecológicas. Confesso que, ao início, me deu uma curiosidade para ver o que eram, de que forma era feita a lavagem, que prós e contras elas tinham, mas a profissional não sabia clarificar as minhas constantes dúvidas. Aliás, fui desencorajada por diversas mães de segunda viagem que me diziam que não compensava o trabalho. Não descansei enquanto não encontrei as minhas respostas.

continuar a ler