[pediatria] Meditação na Infância

Vivemos em uma sociedade em que nossas crianças estão cada vez mais cedo expostas a diversos estímulos sonoros e visuais, sobrecarregando e dificultando a manutenção da atenção. Como consequência (não apenas disso, mas diversos outros fatores envolvidos), observamos um aumento cada vez maior de desordens cognitivas e de comportamento como Transtornos de Déficit de Atenção e Hiperatividade, dificuldades de aprendizado e Transtornos de ansiedade. Somado a um ambiente cada vez mais caótico de estímulos (TV, tablets, celulares, escola, atividades extras…) observa-se a diminuição da troca de afetividade entre pais e filhos, que convivem cada vez menos em conjunto. Crianças conectadas em tudo, menos a si e a seus familiares.

Diversos trabalhos evidenciam os benefícios da prática da meditação em crianças em vários aspectos, tais como: melhora no aprendizado, aumento das funções cognitivas, diminuição de problemas de atenção e comportamentais, redução de stress e ansiedade, melhor convívio social, regulação das emoções, melhora da qualidade de sono.

 A meditação auxilia no alinhamento das emoções e organização da mente, gerando maior lucidez para a transformação da informação em conhecimento.

Meditar com crianças é mais fácil do que se imagina! Pode ser sentado como na foto ou deitada em posição confortável. Existem vários vídeos de meditação guiada no youtube. Meditar com crianças também é fazê-la observar a chuva cair, os sons perceptíveis do ambiente, olhar uma fogueira, contar respiração… enfim, observar e compreender o mundo ao seu redor e fazê-la se enxergar parte desse meio.

Inicie e torne um hábito! =)

Artigo por Evandro Amorim

A saúde do seu filho está em boas mãos: as suas. Mas quando precisar de ajuda e orientação conte connosco! Medico Pediatra | Brasil | CRM/SC 17.363 RQE/SC 12.828

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.