Irmãos

Bloga8, Crianças, Irmãos

|irmãos: os deles e o meu|

Esta é a primeira fotografia deles juntos. Não acredito que já se passaram quase três anos e que quer um, quer outro tenham mudado tanto: já nenhum usa fraldas, nenhum mama, nenhum chora para comer e já nem sequer acordam de noite.

Hoje sorriem mais, tagarelam um com o outro e até já dão passes na bola. Chateiam-se, puxam cabelos, dizem um ao outro “gosto muito de ti” e “eu sou teu amigo”, mas também, chegam a insultar-se de “mau” e “parvo”.

continuar a ler

Bloga8, psicologia

[psicologia] Brigas e rivalidade entre irmãos

Se é um facto que um filho único não tem irmãos para brigar, já dois são ingrediente suficiente para fazer uma briga. A rivalidade surge quando um pretende superar o exemplo do outro.

Geralmente, a rivalidade consciente não é habitual nos primeiros anos de vida, ainda que seja uma atitude passível de ser aprendido e incentivado pelos adultos de referência. Já as brigas surgem desde cedo.

As brigas entre irmãos (ou qualquer outro grau de parentesco ou relacionamento) deve-se, geralmente, à tentativa de ambas as partes fazer prevalecer a sua vontade. Outras vezes, as brigas podem ser despoletadas por ciúmes ou necessidade de chamar à atenção, nem sempre da forma mais adequada, mas, definitivamente, a mais célere no resultado: quando os nossos filhos gritam ou se pegam, não largamos tudo para saber o que se passa? Geralmente. continuar a ler