[psicologia] Ensinar a pescar: um acto de filantropia

pedro-lebre

O que vos levaria a viajar até o outro lado do mundo, deixando tudo aquilo que conhecem para trás?

Existem portugueses que partem por esse mundo fora por diversas razões. Mas o caso que hoje vos trago, é de um português em missão humanitária. Querem saber mais?

teach-how-to-fish

Como Nasceu o Projecto Teach How to Fish

O Projecto THF nasceu em Abril de 2015, quando a portuguesa Susana Garrett Pinto decidiu criar um grupo no facebook com o mesmo nome do Projecto, “onde todos poderiam partilhar ideias, sugestões e conhecimentos, com um propósito único: empoderar as Crianças mais carenciadas” (podem saber mais aqui).

O Grupo cresceu rapidamente e o Projecto conta já com um ano de existência.

Sobre o Projecto Teach How to Fish

Este projecto propõe por fim à pobreza e vulnerabilidade das Crianças, sem falsas modéstias ou necessidades de protagonismo dos seus organizadores.

Do levantamento de necessidades previamente feito, surgiram áreas de trabalho distintas como a Educação e o Desenvolvimento, a Alimentação Saudável, o Saneamento, a Saúde e Bem-Estar, entre outros.

O trabalho diário centra-se nas crianças que estudam no Kindergarten Siem Reap e das suas famílias que habitam a aldeia de Chen Raom em Siem Reap, Cambodja. O Projecto nasceu em Maio de 2015 e muita coisa já fizeram:

– Reconstrução e construção de casas, bem como de casas de banho para as famílias;

– Suporte e encaminhamento de algumas crianças para a escola pública (por falta de dinheiro ou uniformes!);

– Suporte e acompanhamento na criação das hortas familiares e criação de galinhas ou patos, para garantirem alimento (auto-sustento);

– Alcançar novos seguidores e apoiantes, através da partilha do projecto nas redes sociais, com o objectivo de angariar donativos para material escolar, mas também para roupa em segunda mão, calçado (muito preciso), brinquedos e mais voluntários!

– Ensinar os professores residentes e ligar o Kindergarten Siem Reap à escola pública;

– Entre tantas outras coisas mais!

Voluntários Precisam-se

O Projecto Teach How to Fish, recebeu recentemente mais um voluntário, e no Facebook do Projecto, a sua descrição surge assim:

“O Pedro Lebre é português e bom rapaz ahah, vendeu tudo o que tinha em Portugal e foi numa aventura que poderá vir a ser uma das maiores da sua vida. Tivemos a enorme bênção da Carla Póvoa o ter conhecido com a tshirt do projecto vestida e de lhe ter falado um pouco sobre o que fazemos e o que sonhamos vir a fazer. O Pedro quis fazer parte desta nossa missão como voluntários, e chegou há 2 dias a Siem Reap. Tem várias “tarefas” definidas e interiorizado no coração o que é importante dos valores e princípios que definem o Teach How to Fish. Mas sobretudo vai com a liberdade de dar o melhor de si de coração às crianças e famílias que mais precisam. Cada um de nós chega ali com uma missão, é no que acreditamos. Por mais que tentemos definir e planear, tudo acaba por fluir sempre pelos caminhos certos. Confiamos! Ali temos que confiar! Obrigada Pedro. Estamos todos contigo! FORÇA!

Se alguma vez se quiserem voluntariar e ajudar quem tanto precisa, há imensos lugares do mundo por onde começar. O Projecto Teach how to Fish, é um deles. Mas também podem ajudar à distância: donativos ou partilhas, mantêm o projecto em movimento!

E Lembrem-se:

“A melhor filantropia é a que procura acabar com o sistema que gera a necessidade de filantropia.”

Acompanhem este projecto!

Até breve,

Joana Madureira

Artigo por Joana Madureira

Mulher e Mãe de duas crianças. Psicóloga, Formadora, Consultora de Recursos Humanos e Blogger Mentora da marca registada SCHOLA - Educar para a Felicidade.

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.