[#à conversa com] Filipa Júlio – a verdadeira “Josefina”

filipa julio.png

A Filipa Júlio, muita gente não conhece, mas é das mulheres mais bem sucedidas no nosso país. Juntamente com outras tantas mulheres são a cara da marca Josefinas e fazem diariamente felizes milhares de mulheres que calçam esta marca.

Mas não pensem que a Josefinas, calçado nobre português, se ficam pelas tradicionais sabrinas. Hoje têm uma vasta coleção desde sneakers até carteiras.

Querem saber o que andamos a falar? Mostramos tudo aqui.

Como surgiram a Josefinas?

A Josefinas nasceram de um sonho: o de inspirar as mulheres até à conquista dos seus sonhos: www.josefinas.com/pt/historia.  

A avó da Filipa foi um marco na sua vida? Porquê?

A minha avó Maria Josefina levava-me ao ballet em criança e sempre me ensinou o significado e a força de não desistir.

As Josefinas podem ser usadas tanto numa Red Carpet bem como uma saída casual ou até no dia-a-dia. Acham que a verdadeira essência dos modelos Josefinas é mesmo essa, a versatilidade?

A essência da Josefinas é acreditar na força das mulheres – com as Josefinas nos pés chega onde quiser. Seja numa passadeira vermelha, seja numa saída casual ou no dia-a-dia.

Qual o modelo que se adequa melhor à mulher portuguesa?

Qualquer par de Josefinas é perfeito 🙂

Se pudesse oferecer um par a alguém muito importante para si, qual era o modelo e porquê?

Rosa Frágil, porque foi assim que tudo começou 🙂

rosa-fragil_pontas

Josefinas “Rosa Frágil”

A Filipa criou a marca Josefinas grávida da sua filha, acha que o lado feminino estava em alta nessa época? 😀 Como soube gerir a maternidade com a empresa?

É verdade: a Josefinas nascem quase ao mesmo tempo que a Luisinha. Não foi fácil, mas com paixão tudo é possível 🙂 A tecnologia teve um papel preponderante: permitiu-me gerir tudo mesmo não estando presente. Nunca valorizei tanto o meu telefone (ahah)

Eu fui bailarina e esta pergunta quase não tem nexo, porque acho que já sei a resposta, mas sente que a sua formação clássica nunca mais saiu de si? Por exemplo no sentar e no balançar os pés quando ouve uma música?

O ballet fará sempre parte da minha vida 🙂

Quem dá os nomes aos modelos? E em que se inspira(m)?

Os nomes das nossas edições buscam inspiração em mulheres de força.

Recentemente alargaram horizontes. Abriram uma FlagShip em NY. Foi o SONHO tornado realidade?

Sem dúvida 🙂 Um orgulho imenso.

A marca tem uma grande contribuição para a afirmação da mulher. Qual é a sua frase de inspiração?

Proud to be a woman.

Obrigada Filipa pela sua inspiração e sobretudo pela sua disponibilidade em me conceder esta “mini” entrevista.

A “Josefina” Bea

Artigo por Bea

Mulher, mãe de dois rapazes, apaixonada por flamingos e completamente chocoholic. Adora ler, dançar, comer e experimentar coisas novas.

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.