[make me craft] Querido vinilizei a casa!

Na passada quinta-feira no nosso Instagram disse que no dia seguinte (ontem) ia mostrar o que tinha andado a fazer à nossa casa. Muito bem, quem é mulher, mãe e trabalhadora sabe que às vezes planeamos mas os planos saem furados. Pois é… ontem não consegui cumprir com o prometido, por isso peço-vos muita desculpa. Mas sou humana, e também falho. (Parece que também falhei com outra coisa, mas a minha cunhada (Obrigada!) já me alertou para a falha e vou tentar remediar também!).

Mas passando ao assunto que nos traz aqui… Andei a personalizar a nossa casa. Sim, eu sou completamente apologista da mudança e adoro mudar. Gosto das coisas únicas e personalizadas. Por isso, com a ajuda de uma designer super fofinha, a Carla, consegui que as coisas ficassem mais ao meu gosto. Mas tenho a ligeira impressão que não ficarei por aqui. (Não, definitivamente não ficarei por aqui!)

Ora bem, quando chegamos a casa de alguém gostamos sempre de ser bem recebidos, certo? Pois é. Eu pensei nisso e… personalizei a minha porta de entrada. Um hello da parte de fora, e um goodbye da parte de dentro. Assim, os nossos convidados (e os miúdos) quando chegam a casa, dizem sempre hello! Decidi colocar o hello em vez do Olá por dois motivos: em primeiro lugar, porque acho muito mais irreverente o hello do que um Olá. Ainda pensavam que era publicidade a uma certa marca de gelados. Em segundo lugar porque como os miúdos têm bilingue na escolinha, assim ajuda-o a ler mais em inglês.

Passado a entrada, pensei que tinha que arranjar uma frase de incentivo para o cuidado da roupa (basicamente passar a ferro) e decorei com o vinil a porta da lavandaria. A frase diz tudo.

IMG_20160630_202329

Outra divisão que mereceu o meu cuidado foi o quarto dos brinquedos. Eu tenho o móvel de arrumação TROFAST do IKEA com as respetivas caixas. Tudo tem o seu sítio e para o identificar, tinha escrito com tinta de acetato o que correspondia ao quê. Acontece que o meu dinossauro parecia um embrião, e, estúpida, nalgumas caixas tinha escrito para que fim eram. Bem, os meus filhos têm 4 e (quase) 2 anos e arrumavam mal. Claro não sabem ler! Por isso, fizeram-me os vinis para cada uma das caixas. Digam lá que não está um espetáculo!

1467294572729

foto tirada com o telemóvel, nota-se não?

 

Mas há mais… Quando fui buscar os vinis para colocar (se precisarem de uma profissional – eu – para colocar vinis, chamem!) a Carla disse-me que tinha feito um casal Playmobil a mais. Ora, eu para que queria o casal Playmobil? Para colar na minha cama? Para colar na cozinha? Na… decidi que iam para a porta da casa de banho, claro!

1467294753278

outra tirada com o telemóvel

Estes, e outros vinis e soluções de comunicação e decoração estão disponíveis no Facebook – loja Coisas do Ovo que envia os trabalhos para todo o país! Soluções económicas e bastante bonitas.

Artigo por Bea

Mulher, mãe de dois rapazes, apaixonada por flamingos e completamente chocoholic. Adora ler, dançar, comer e experimentar coisas novas.

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.