|a ti, irmã|

Conheço-te desde muito nova, mas foi só na adolescência que aperfeiçoamos a nossa amizade.

Sei que ultimamente não tenho sido muito presente, mas também sabes as condições da minha vida e que mesmo distante, estarei aqui para o que precisares, tal como estás quando eu preciso.

Estiveste presente nos principais momentos importantes da minha vida. Viste-me casar, viste-me a ser mãe e a repetir a dose. És das pessoas que mais acredita nas minhas capacidades e contamos sempre uma com a outra. Para o bem, e para o mal. Sei que também sabes, que tenho um orgulho em ti e na bonita mulher que te tornaste.

És a minha irmã, não de sangue, mas de coração. Ou qualquer coisa como isso.

Para ti, Marta. Com um beijo,

Bea

12244131_10153257661447666_1396466297_n

Artigo por Bea

Mulher, mãe de dois rapazes, apaixonada por flamingos e completamente chocoholic. Adora ler, dançar, comer e experimentar coisas novas.

Seja o primeiro a comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.